Cresci e preciso mudar como meu público

Selena Gomez aposta na sensualidade pra se auto-afirmar.

Selena Gomez aposta na sensualidade pra se auto-afirmar.

Já faz um tempo que temos visto várias divas pop ou mesmo cantoras que se despontam a esse papel no futuro apostarem na simplicidade de seus clipes e mesmo na sensualidade, um movimento de auto-aceitação, algo nessa linha. O que não é ruim, de fato.

Ariana Grande já havia iniciado esse movimento em 2014, quando despontou com seus sucessos nas paradas da Billboard. A aposta na sensualidade e nas coreografias ousadas mas dentro de um estilo ainda comportado foi o tom de seus clipes. Focus e Breaking Free já foram nessa linha. Ainda que tenham tido produções mais elaboradas.

Cena de Dangerous Woman, de Ariana Grande

Já Selena Gomez também resolveu apostar na mesma linha. Os clipes de seu último álbum “Revival” foram em uma linha mais simples. Desde Same Old Love a Hands to myself, vimos Selena se afirmar com mulher adulta e apontando-se para um público mais adulto. Mesmo que ainda tenha a pegada que deu a ela o sucesso que tem hoje.

Mas foi com Rihanna, recentemente, que isso se tornou quase uma regra: Kiss it better é um clipe que explora Rihanna em uma coreografia sensual e todo em preto e branco. Rihanna também já é conhecida por explorar a sensualidade, mas esse clipe foi o melhor trabalho nesse sentido. É sensual e bonito, na medida certa. É um trabalho muito bem feito e pensado para atingir audiências até então não interessadas no trabalho dela.

 

Ser sensual não significa ser erótico ou inapropriado

Rihanna em Kiss it Better

Ariana Grande, também recentemente, lançou seu novo clipe, Dangerous Woman, do álbum com o mesmo título e apostou em trabalho simplista e com um toque de sensualidade, embora em seu caso seja algo voltado para auto-afirmação: Ariana ficou conhecida pelas séries que fez na TV, especialmente por Cat em Victorious, de 2010 a 2013.

E, ontem, vimos Selena Gomes lançar seu novo single e clipe, Kill’em with kindness, também apostando em um ambiente mais sensual ao mesmo tempo que procura sua auto-afirmação – que tem sido buscada desde Same Old Love. Selena é um caso a parte: ela já foi mais reservada, muito por causa de seu histórico turbulento com Justin Bieber, a qual, provavelmente, as letras de suas músicas atuais se referem. Selena declarou recentemente que tem vários pedaços de sua história pessoal nas letras.

A tendência ultimamente tem sido apostar nesses clipes que, mesmo simples – basicamente uma câmera, fundo simples ou cenário preto e uma letra forte – conseguem expressar bem mais que super-produções. E são um atrativo a mais para as audiências que ainda desconhecem o trabalho delas.

Clique nos clipes pra assistir. E deixe seu comentário ou sugestões.

Comente com Facebook

Written by Israel Anderson

Jornalista por formação, cineasta por estudos e curioso por natureza. Internet por paixão.

Deixe uma resposta